Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogue do Centro Nacional de Cultura

Um espaço de encontro e de diálogo, em defesa de uma cultura livre e pluridisciplinar. Estamos certos de que o Centro Nacional de Cultura continuará, como há sete décadas, a dizer que a cultura em Portugal vale a pena!

Blogue do Centro Nacional de Cultura

Um espaço de encontro e de diálogo, em defesa de uma cultura livre e pluridisciplinar. Estamos certos de que o Centro Nacional de Cultura continuará, como há sete décadas, a dizer que a cultura em Portugal vale a pena!

LONDON LETTERS

 

Untitled 1.jpg

 

Dickensian, 2015 Christmas Special

 

A ideia é simplesmente fantástica. Reunir em filme as personagens de diferentes livros, juntando os seus quotidianos, experiências e personalidades num mesmo universo. Que o autor em causa seja Mr

Untitled 2.jpg

Charles John Huffan Dickens, o cenário seja London do 19th century e o projeto tenha a assinatura da BBC One é algo então que só pode ver-se como excitante. Dickensian é o nome deste inovador modo de contar estórias na metrópole da revolução industrial e dizer dos destinos cruzados no reino de Her Majesty Victoria. O primeiro de uma série de 30 episódios vai simbolicamente para o ar no dia December 26. — Chérie. Quand on a pas ce que l'on aime, il faut aimer ce qu'on a. Elisabeth II fará uma mensagem natalícia the most overtly Christian yet. Segundo o Mail on Sunday, The Queen usará o Christmas Speech para refletir sobre a sua fé e o “continuing role of Christianity in British life.” — Uh Mmm! We will never know the worth of water till the well go dry. A última mina inglesa de carvão encerra portões em in North Yorkshire, deixando 450 mineiros no desemprego. Downing Street admite que o Brexit referundum possa ocorrer no próximo Summer. Edith Piaf, O Pardal, nasce há 100 anos. O UN Security Council adopta resolução sobre o Syrian peace process, com o voto unânime dos 15 membros e sem menção ao futuro do President Bashar al-Assad.Untitled 3.jpg

Christmas atmosphere around, with lime trees, vivid lights and sweet carols em St James. Idêntico se vê desde há meses para as bandas de West End, mas lá com auxílio da time machine criada por Mr HG Wells em 1895. Largo estúdio cenariza as gélidas noites na capital de Novecentos. A tela é algo familiar. Tremeluzentes lampiões a gás aclaram as lajes da rua e iluminam a montra de popular loja saída da caneta de Mr C Dickens, com alegre ruído saindo do Three Cripples pub, à esquina, cautamente distante dos edifícios do tribunal e da polícia, perto já das igreja e fábrica, todos, porém, sob silente neve que apressa uns quantos rumo a casa e para longe dos becos onde opera a rapaziada do Fagin’s Den. Aqui se filma a novérrima série da BBC1. Na Dickensian, The Old Curiosity Shop centra a atenção entre as carruagens a cavalo e os chapéus com característico Victorian-style. O TV-drama desperta apetência por entrelaçar figuras e estórias de grandes romances como A Christmas Carol, Oliver Twist, Bleak House, Martin Chuzzlewit ou Great Expectations. Também pela qualidade da equipa, na qual pontuam Dame Pauline Collins como Mrs. Gamp (Upstairs, Downstairs), Mr Stephen Rea como Inspector Bucket (Michael Collins), Caroline Quentin como Mrs. Bumble (Jonathan Creek) e Mr Ned Dennehy como o incontornável Ebenezer Scrooge (Sherlock Holmes). O script pertence a Mr Tony Jordan (um guionista da infinda telenovela EastEnders, iniciada em 1985) e os primeiros episódios saem da batuta do diretor Harry Bradbeer (Grantchester). Grandes esperanças, pois, no projeto da estação pública que tem por missão informar, entreter e educar.

Numa era de extremismos, encerrando vidas e nações em moinho tenebroso, menção maior para quanto o Buckingham Palace ventila da próxima mensagem natalícia real. O discurso é pré gravado e está

Untitled 4.jpg

ainda resguardado de curiosidades extemporâneas sob o nome de código QXB, mas circula já que este será the most Christian Queen’s Xmas Broadcast ever. Ora, que Elisabeth II fale às pessoas de boa vontade sobre a sua fé cristã é algo a sublinhar pela importância que contém num ano sombriamente marcado pelo terrorismo, e mesmo de pânico moral nalguns setores. Conhecida é a diplomacia ativa da coroa nas inter-faith relations, como o revelam respeitosos encontros da Windsor com líderes de other churches and religions; desde logo, os cinco papas de Rome que escoltam o longo reinado: Pius XII, John XXIII, John Paul II, Benedict XVI e agora Francis. Já 2015 é o ano onde, em plena campanha eleitoral para o Westminster Parliament, extremistas islâmicos apelam ao não voto sob a tese que só Allah tem poder e leis a que os fiéis devem obedecer. Supreme Governor da Church of England and of Scotland, The Queen sempre coloca a faith personal note no anual Christmas Speech difundido para a Commonwealth no serão de December 25. Nos preparativos de um Santo Natal, recordo que, em 2000, refere o “theological significance of the millennium marking the 2000th anniversary of the birth of Jesus Christ,” com impressivas e simples palavras. — To many of us, our beliefs are of fundamental importance. For me the teachings of Christ and my own personal accountability before God provide a framework in which I try to lead my life. I, like so many of you, have drawn great comfort in difficult times from Christ's words and example.

 

St James, 21th December

Untitled 5.jpg

Very sincerely yours,

V.