Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogue do Centro Nacional de Cultura

Um espaço de encontro e de diálogo, em defesa de uma cultura livre e pluridisciplinar. Estamos certos de que o Centro Nacional de Cultura continuará, como há sete décadas, a dizer que a cultura em Portugal vale a pena!

Blogue do Centro Nacional de Cultura

Um espaço de encontro e de diálogo, em defesa de uma cultura livre e pluridisciplinar. Estamos certos de que o Centro Nacional de Cultura continuará, como há sete décadas, a dizer que a cultura em Portugal vale a pena!

HERCULANO 200 ANOS DEPOIS

 

AS COMEMORAÇÕES PROMOVIDAS PELA APE
PROSSEGUEM NO AUDITÓRIO DO MONTEPIO
COM DEBATE SOBRE MUTUALISMO

No ano do Bicentenário do nascimento de Alexandre Herculano, que nasceu a 28 de Março de 1810, a Associação Portuguesa de Escritores, preservando o direito à memória, está evocar esta grande e destacada figura da Cultura Portuguesa.

No auditório do Montepio, Rua do Ouro, em Lisboa, no próximo dia 4 de Outubro, pelas 18H00, vai ter lugar o debate “Herculano – Dois Séculos de Mutualismo”, que assinala o reinicio do ciclo Alexandre Herculano 200 Anos Depois, e contará com as intervenções de António Valdemar, Guilherme de Oliveira Martins e Vítor Melícias.

A temática do Mutualismo é um pretexto para uma viagem ao século XIX, tão marcado pelo triunfo das ideias liberais onde a solidariedade teve em Prodhom um dos seus paladinos. Em Portugal, Alexandre Herculano é também um dos defensores do Mutualismo tendo contribuído para a fundação da primeira caixa mutualista.

Coordenada pelo escritor Luís Machado, esta manifestação cultural, promovida pela Associação Portuguesa de Escritores, integra um ciclo de palestras, com debates e uma mesa-redonda, visando destacar o pensamento e a grandeza de um Homem que foi um combatente da Liberdade. Liberal e justo, a intervenção política e social de Alexandre Herculano revela-nos, para além de um singular exemplo de fidelidade a ideais e valores, uma dimensão ética rara na nossa vida pública do século XIX.

Este ciclo conta ainda com a participação de João Alves Dias e José Manuel Mendes, que nos irão revelar também outras facetas do homem e do escritor, abordando temáticas como:  a maçonaria, a literatura e a cidadania. As sessões seguinte estão calendarizadas para 12 de Outubro, 18H30 (Grémio Lusitano, Bairro Alto), 19 de Outubro, 18H30 (Centro Nacional de Cultura). A encerrar o programa (26 de Outubro, 19H30, no café Martinho da Arcada) uma mesa-redonda com Diogo Freitas do Amaral, Eduardo Lourenço e Guilherme de Oliveira Martins, moderada por António Valdemar, José Manuel Mendes e Luís Machado.

O autor da História de Portugal destacou-se como impulsionador de ideários ao serviço da Liberdade, Fraternidade e Igualdade. Combatendo a injustiça e lutando pelos direitos do cidadão, Alexandre Herculano denunciou as fraquezas e as misérias de um Portugal oitocentista.

Recorde-se que a vasta obra literária de Herculano, que foi considerado, juntamente com Garrett, o introdutor do Romantismo em Portugal, vai muito para além da narrativa histórica, abraçando vários géneros que passam pelo romance, teatro, poesia e ensaio.

Alexandre Herculano 200 Anos Depois, que tem o patrocínio do Montepio Geral, mereceu também o apoio do Ministério da Cultura, Direcção Regional de Cultura de Lisboa e do Vale do Tejo, Academia Nacional de Belas-Artes, Centro Nacional de Cultura, Diário de Notícias e Antena 1.

Todas as sessões têm entrada livre, à excepção da última, no café Martinho da Arcada, que é sujeita a marcação prévia, devido à limitada lotação da sala.



PROGRAMA - OUTUBRO 2010

ALEXANDRE HERCULANO, 200 ANOS DEPOIS
BICENTENÁRIO DO NASCIMENTO

COORDENAÇÃO DE LUÍS MACHADO

Dia 4 de Outubro
HERCULANO – DOIS SÉCULOS DE MUTUALISMO
(Auditório do Montepio – Rua do Ouro) – 18H
António Valdemar, Guilherme de Oliveira Martins, Vítor Melícias

Dia 12 de Outubro
HERCULANO MAÇON
(Grémio Lusitano – Bairro Alto) - 18H30
 João Alves Dias

Dia 19 de Outubro
HERCULANO NA LITERATURA PORTUGUESA E A DIMENSÃO ÉTICA DO ESCRITOR
(Centro Nacional de Cultura – Chiado) – 18H30
José Manuel Mendes

Dia 26 de Outubro
A CONSCIÊNCIA POLÍTICA DE ALEXANDRE HERCULANO E O SEU CONTRIBUTO PARA A CIDADANIA
(Café Martinho da Arcada – Praça do Comércio) – 19H30
Diogo Freitas do Amaral, Eduardo Lourenço e Guilherme de Oliveira Martins

Moderadores: António Valdemar, José Manuel Mendes, Luís Machado

ORGANIZAÇÃO: ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE ESCRITORES